“Os homens querem casar e as mulheres querem sexo” lota Teatro da Quadra, mas não surpreende

A peça “Os homens querem casar e as mulheres querem sexo” foi apresentada no Teatro Municipal da Quadra de Esportes de Brumadinho no dia 10 de março. O monólogo encenado por Marcelo Ricco e dirigido por Carlos Nunes traça a história de Jonas: Um homem que sonha em encontrar a mulher de sua vida e se casar. Durante a peça o personagem fala das dificuldades de encontrar uma esposa e como as mulheres valorizam o sexo em detrimento de um relacionamento sério. O ator traça uma conversa com seu “lado feminino” que é sapatão (novidade?) e tenta orientá-lo a fim de que ele, finalmente, compreenda o universo feminino.

Embora tenha tido bons momentos, a peça se torna cansativa ao passo que a intervenção com o público (recurso já esgotado pelo teatro contemporâneo) se tornou longa demais e maçante. O ator se prolongou na conversa e na “tentativa” de aproximação de casais solteiros na plateia, o que deu uma “quebrada” desnecessária na peça que, a duras penas, tinha começado a prender a atenção dos espectadores. As piadas batidas e já conhecidas também deram um clima démodé ao espetáculo.

Outro aspecto negativo foi a acústica do teatro. Não se conseguia ouvir bem o que era dito, deixando prejudicadas as pessoas que estavam sentadas mais longe do palco. As caixas de som usadas durante a apresentação foram insuficientes e aparentavam estar em péssimas condições de uso.

Público impressiona

O que realmente impressionou foi o volume de pessoas que compareceram ao Teatro da Quadra de Esportes para assistir a peça “os homens querem casar e as mulheres querem sexo”. O teatro ficou lotado e cadeiras de plástico precisaram ser colocadas. Mesmo assim várias pessoas assistiram à peça de pé. Antes do espetáculo, a fila para entrar no teatro quase chegou à esquina da Avenida Inhotim. Isso significa que Brumadinho tem público para espetáculos teatrais, outras peças já foram encenadas também com boa presença de público. Falta agora uma revitalização do Teatro Municipal, que tem um excelente espaço, mas ainda deixa a desejar no que diz respeito a conforto e acústica.

Ficha Técnica

Texto: Carlos Simões (RJ)
Elenco: Marcelo Ricco
Direção: Carlos Nunes
Assistente de direção: Christiano Junqueira
Voz in off: Heloísa Duarte
Cenário: Heleno Polisseni e Yuri Simon
Iluminação: Yuri Simon
Figurinos: Marcelo Ricco
Fotografia: Ludmila Loureiro
Projeto gráfico: Marcio Miranda
Assessoria de imprensa: Jozane Faleiro
Produção Executiva: Carol Fonseca

Anúncios